Purificadores de Água

Neste artigo apresentamos os melhores purificadores de água disponíveis no mercado. Beber água é fundamental para manter a saúde em dia, mas tem que ser uma água de boa qualidade, livre de contaminações. E um bom purificador garante (ou deveria garantir) essa água livre de resíduos físicos, micro-organismos e excesso de cloro.
Portanto, na hora de escolher um purificador de água, os itens básicos a considerar são: eficiência bacteriológica, retenção de partículas e redução de cloro livre, atestados pelo selo do INMETRO.

Melhores Purificadores de Água para Comprar em 2021

1º – Consul CPB36 Melhor purificador de água Mostrar preço
2º – Consul CPB34 Melhor custo-benefício Mostrar preço
3º – Consul CPC31 Água natural com filtragem máxima Mostrar preço
4º – Latina PA355 Muita água gelada e bom preço Mostrar preço
5º – IBBL Expert Q Com água quente Mostrar preço
6º – Lorenzetti Vitale Compacto e baratíssimo Mostrar preço
7º – 3M Aqualar AP200 Filtro multiuso Mostrar preço

No que prestar atenção na hora de escolher um purificador de água?

Retenção de partículas é a capacidade do purificador barrar a passagem de resíduos como ferrugem, argila, areia, entre outros.
Há 6 níveis de retenção de partículas, de “A” (anteriormente P-I), que indica eficiência máxima, até F (pior desempenho).
Para ter uma ideia, um purificador com retenção de partículas classificação “A”, consegue impedir a passagem de elementos com tamanho entre 0,5 e 1µm (milésimo de milímetro). Sendo que um grão de areia costuma medir de 200 a 500µm.
Já a retenção de cloro livre se refere ao purificador ser capaz de retirar o excesso de cloro da água (usado no processo de tratamento das companhias de abastecimento).
Neste quesito, o selo do INMETRO apenas certifica se a função está ou não presente, sem escala de eficiência (que antes variava de C1 a C3).
Quanto ao item “eficiência bacteriológica”, surpreende o fato de que boa parte dos purificadores comercializados não possui esta certificação (incluindo alguns modelos bem caros).
Como o próprio nome indica, esta função se refere à eliminação de bactérias e outros micro-organismos da água.
Na elaboração dessa lista, levamos em consideração: melhoria da qualidade da água, durabilidade e preço do refil, o fornecimento ou não de água gelada, outras funcionalidades, como aviso de troca de refil e, obviamente, a relação custo-benefício de cada produto.

1° – Consul CPB36

Consul CPB36

O Consul CPB36 é na nossa visão o purificador de água que mais se aproxima do ideal.

A sua eficiência máxima em filtragem juntamente com a refrigeração por compressor colocam esse como um dos produtos mais completos do mercado no segmento.

A capacidade de refrigeração é de 1,7l/h, número bastante satisfatório. Alguns outros modelos conseguem oferecer mais nesse aspecto, porém nenhum desses concorrentes atingiu notas máxima em purificação.

O CPB36 é classe “A” em retenção de partículas, possui redução de cloro livre e conta com eficiência bacteriológica segundo o INMETRO. A vida útil nominal do refil é de 2250 litros ou 6 meses e ele custa cerca e R$100.

O indicador de troca de refil também está presente neste modelo e é uma funcionalidade que julgamos importante nos purificadores. Ela evita substituições precoces ou atrasadas dos filtros, tornando o uso mais eficiente.

Como pontos negativos destacamos o preço alto, as dimensões elevadas e o nível de ruído que é um pouco acima da média.

Também vale ressaltar que atualmente o modelo está com disponibilidade baixa no mercado. Encontramos ele em poucas lojas e sem todas opções de cores ou voltagens.

Prós

  • Classe “A” em retenção de partículas
  • Com eficiência bacteriológica
  • Com redução de cloro livre
  • Alto fornecimento de água gelada (1,7l/h)
  • Com indicação de troca do refil

Contras

  • Dimensões elevadas
  • Relativamente ruidoso
  • Preço alto

2° – Consul CPB34

Consul CPB34

No quesito custo-benefício escolhemos o CPB34 também da Consul. Além de ter um preço conveniente ele possui classificação máxima de filtragem e fornece água gelada mesmo que em pouco volume.

A refrigeração aqui é feita por meio de uma placa eletrônica, apesar de ser mais silencioso e ocupar menos espaço esse sistema tem baixa capacidade de resfriamento. Aqui são apenas 0,2 litros por hora.

Por esse motivo não recomendamos o CPB34 para famílias grandes, para quem mora em locais mais quentes ou até para quem costuma consumir muita água gelada.

Já a qualidade de filtragem é excelente, retenção de partículas classe “A”, com redução de cloro livre e aprovado em eficiência bacteriológica. Por outro lado consideramos a vida útil do refil baixa, 1500 litros ou 6 meses.

Assim que acender o indicador de troca será necessário investir cerca de R$100 para substituir o filtro do purificador.

Outra ressalva que fazemos é com relação a uma reclamação relativamente frequente dos compradores. Eles relatam que de vez em quando o botão de acionamento fica emperrado comprometendo o uso adequado do CPB34.

Não é algo que inutilize o eletrodoméstico e nem ocorre para todos os usuários mas pode sim acabar incomodando algumas pessoas mais detalhistas.

Prós

  • Classe “A” em retenção de partículas
  • Com eficiência bacteriológica
  • Com redução de cloro livre
  • Boa relação custo-benefício

Contras

  • Alguns relatos de problemas no botão de acionamento
  • Baixo fornecimento de água gelada
  • Baixa vida útil do refil (1500 litros)

3° – Consul CPC31

Consul CPC31

Nossa recomendação para quem não quer água gelada mas preza pela excelência em purificação é o CPBC31.

Ele utiliza o mesmo elemento filtrante do segundo da lista, o CPB34. Por isso também é classe “A” em retenção de partículas, possui redução de cloro livre e é aprovado em eficiência bacteriológica.

A diferença é que o CPC31 não possui nenhum sistema de refrigeração. Apesar da óbvia desvantagem de não fornecer água gelada, isso acaba trazendo alguns pontos positivos também.

Ele é mais barato, não necessita de energia elétrica e tem dimensões reduzidas sendo mais fácil encontrar um local adequado para instalá-lo.

O filtro tem vida útil de 1500 litros, um pouco abaixo da maioria dos concorrentes. Além disso o refil também é relativamente caro, custa cerca de R$100.

Por fim é importante mencionar que alguns consumidores reclamam do botão de acionamento ser frágil.

Não se trata de um problema gravíssimo, ainda consideramos ele uma ótima compra. Mas tenha em mente que ao adquiri-lo você precisará tomar um pouco mais de cuidado ao utilizá-lo no dia a dia.

Prós

  • Classe “A” em retenção de partículas
  • Com eficiência bacteriológica
  • Com redução de cloro livre
  • Compacto
  • Não utiliza energia elétrica

Contras

  • Botão de acionamento relativamente frágil
  • Baixa vida útil do refil (1500 litros)

4° – Latina PA355

Latina PA355

O PA355 da Latina é uma ótima opção para quem procura um purificador com bom preço e alta capacidade de fornecimento de água gelada.

Ele utiliza um sistema com compressor e é capaz de refrigerar 2,1 litros de água por hora. Número superior até mesmo ao campeão da análise.

Por outro lado a capacidade de filtragem dele é mediana. Ele é classe “C” em retenção de partículas, possui redução de cloro livre porém não conta com eficiência bacteriológica.

O filtro tem ótima durabilidade, são 3000 litros de vida útil. Aliás também se trata de um dos refis mais baratos do mercado custando algo em torno de R$40, facilmente encontrado nas lojas online.

Contudo, o PA355 não possui a função de indicação de troca de refil. Então você precisará ficar atento à qualidade da água para fazer as trocas de maneira eficiente.

Prós

  • Fornece muita água gelada (2,1l/h)
  • Filtro com boa vida útil (3000l)
  • Refil barato
  • Boa relação custo-benefício
  • Com redução de cloro livre

Contras

  • Sem indicação de troca de refil
  • Classe “C” em retenção de partículas
  • Sem eficiência bacteriológica

5° – IBBL Expert Q

IBBL Expert Q

O Expert Q da IBBL é um dos raros modelos de purificadores capazes de fornecer água quente. Além disso ele tem filtragem satisfatória e por ser refrigerado por compressor consegue entregar boa quantidade de água gelada.

O modelo é classe “C” em retenção de partículas, tem redução de cloro livre e é aprovado em eficiência bacteriológica. Não é o ideal, mas está um pouco à frente da maioria dos concorrentes principalmente pela eficiência em eliminar bactérias.

A vida útil do filtro também agrada, são 3000 litros ou 6 meses de durabilidade. Contudo o preço do refil é um dos mais altos do mercado custando em média R$120.

O IBBL Expert Q tem capacidade de fornecimento de água gelada de 1,08 litros por hora. Não é o melhor nesse quesito, mas é um ponto forte se compararmos aos modelos refrigerados por placa eletrônica.

Trata-se de um purificador com um pouco mais de tecnologia, os botões são touch e a qualidade de acabamento é acima da média. O indicador de troca de refil também está presente através de um pequeno LED no painel.

Prós

  • Fornece água quente
  • Fornece bastante água gelada (1,08l/h)
  • Filtro com boa vida útil (3000l)
  • Com redução de cloro livre
  • Com eficiência bacteriológica
  • Com indicador de troca de refil

Contras

  • Preço alto
  • Refil relativamente caro
  • Classe “C” em retenção de partículas

6° – Lorenzetti Vitale

Lorenzetti Vitale

Entre os modelos compactos escolhemos o Lerenzetti Vitale como a melhor opção. Ele tem um preço baixo, é compacto e o refil está entre os mais acessíveis do mercado.

A qualidade de filtragem é básica, classe “D” em retenção de partículas, com redução de cloro e sem eficiência bacteriológica.

O filtro tem vida útil de 1000 litros ou 6 meses de uso. Apesar de ser um número baixo o preço reduzido do refil reduz muito o gasto desta manutenção, é possível encontrá-lo por pouco mais de R$20 como neste link.

Também é importante ressaltar que o Vitale não conta com indicador de troca de refil o que dificulta bastante a percepção da necessidade de substituição.

É um modelo simples, ideal para quem tem pouco espaço, não precisa de água gelada e quer investir o mínimo possível para ter uma água de melhor qualidade.

Prós

  • Preço muito atrativo
  • Compacto
  • Refil muito barato
  • Com redução de cloro livre
  • Não utiliza energia elétrica

Contras

  • Classe “D” em retenção de partículas
  • Sem eficiência bacteriológica
  • Sem indicação de troca de refil
  • Baixa vida útil do refil (1000 litros)

7° – 3M Aqualar AP200

3M Aqualar AP200

Apesar de não ser exatamente um purificador de água, o 3M Aqualar AP200 pode ser uma solução interessante para algumas pessoas.

Trata-se de um filtro multiuso que permite que você melhore a qualidade da água para fornecimento em diversos equipamentos como torneiras, bebedouros, máquinas de café e etc.

A possibilidade de instalá-lo embaixo do balcão pode ser um atrativo para quem quer água purificada sem alterar o visual de sua cozinha. Além disso apesar de ocupar espaço dentro do balcão, não é necessário reservar um local específico na cozinha como os purificadores comuns.

A qualidade de filtragem é simples, infelizmente não temos filtros mais avançados para as opções de purificadores baratos como é esse aqui.

Ele é classe “D” em retenção de partículas, tem redução de cloro livre mas não conta com eficiência bacteriológica. Porém apesar de não ter indicador de troca, o refil tem boa vida útil, 2500 litros e é muito barato, cerca de R$30.

Prós

  • Preço muito atrativo
  • Pode ser instalado em diversos tipos de equipamentos
  • Com redução de cloro livre
  • Refil muito barato
  • Compacto
  • Não utiliza energia elétrica

Contras

  • Classe “D” em retenção de partículas
  • Sem eficiência bacteriológica
  • Sem indicação de troca de refil

Conclusão: afinal, qual é o melhor purificador de água?

A resposta para essa pergunta vai depender das necessidades específicas e preferências de cada consumidor.

Embora o nível de retenção de partículas e a eficiência bacteriológica sejam itens básicos a considerar, em tese, a água fornecida pelas companhias de abastecimento já vem própria para consumo.

Tendo isso em mente, pode-se dizer que o purificador faz apenas uma complementação, retirando o excesso de cloro, resíduos originados nas tubulações e alguns micro-organismos.

Por esse motivo, também incluímos na análise modelos sem eficiência bacteriológica certificada, porém excluímos aparelhos com retenção de partículas abaixo de “D”.

Muitos produtos alegam benefícios como reposição de minerais e controle do desenvolvimento de micro-organismos (bacteriostáticos), entretanto essas propriedades não são atestadas pelo INMETRO.

Reconhecemos que escolher um purificador de água pode ser uma tarefa realmente difícil, porque muitas vezes os dados básicos não constam nas descrições dos aparelhos disponíveis na internet.

Além disso, nem sempre o consumidor sabe quais quesitos considerar e se sente perdido com o excesso de informações.

Esperamos que este guia tenha sido útil para tornar essa tarefa menos árdua.